SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

sexta-feira, 3 de março de 2017

10 pontos altos do sofisticado Didier Gomez por Casa Vogue


"O arquiteto e designer francês que assinou o projeto de capa da Casa Vogue de fevereiro mostra trunfos para criar espaços luxuosos

03/03/2017 | POR CAROL SCOLFORO | FOTOS STEPHAN JULLIARD E REPRODUÇÃO


Um homem à frente do tempo, tão múltiplo quanto seu desenho se tornou. O francês Didier Gomez, que assina o projeto da capa de fevereiro da Casa Vogue, abre seu apartamento e mostra por que é um dos nomes mais badalados do mundo da decoração. Ele se define arquiteto de interiores e designer, mas começou a vida profissional como cantor de ópera. Isso até 1985, quando seus projetos residenciais começaram a ser vistos por olhos como os do ator Harrison Ford, que encomendou seu pied-à-terre em Paris.

Depois, vieram marcas consagradas, como Yves Saint-Laurent, Louis Vuitton, Galeries Lafayette, e mais uma gama de brands ícones que queriam um espaço assinado por ele. Para a marca de móveis high-end Ligne Roset ele passou a assinar como designer de mobiliário, em coleções que se atualizam há mais de 15 anos. Não bastasse isso, Gomez coleciona prêmios de design e tornou seu nome sinônimo de luxo e discrição, como os milionários gostam. Veja dez pontos altos de sua marca sofisticada.
1. Cor e arte
O impacto sensível da arte está presente na maioria dos projetos que Didier Gomez assina. Nesta sala de jantar (acima) de seu apartamento em Paris, ele posa sobre a cadeira de Verner Panton, com mesa de Eero Saarinen, à frente da pintura de Donald Judd, que traz vibração e energia ao entorno claro.



2. Mix entre passado e presente



O mix da geometria da pintura de Victor Vasarely com vasos chineses e japoneses do séc. 18, mostra a mistura entre passado e presente que Didier Gomez ama fazer. A banqueta Butterfly, de de Sori Yanagagi, e a luminária da Cinna injetam design ao mix.

3. Elemento surpresa


Didier gosta de tornar os espaços curiosos, trazendo um elemento surpresa. Seu apartamento traz o piano, tocado por ele todos os dias. “Isso me traz muita tranquilidade”, afirma. No mesmo ambiente, à esq., está uma lousa de Cy Twombly, que adiciona a sensação de liberdade.
4. Formas envolventes


Linhas retas e volumes arredondados estão sempre em voga nos projetos do arquiteto francês. A diferença é fazer isso com leveza, conforto e funcionalidade, tornando o projeto usável, como neste living que Didier projetou em seu apartamento. Sofás e cadeiras retas dialogam com uma poltrona e mesas laterais ou de centro em formas orgânicas.
5. Fotografias expressivas



Para este home office, Didier aposta na força da fotografia contemporânea: o interior da Biblioteca Nacional da França dá perspectiva e profundidade a uma parede grafite. Truque ótimo que traz o efeito trompe l’oeil aos olhos – olhando de longe, parece uma janela, não?

6. Estampas e ousadia


Nesta sala de banho, Gomez ousou. Ainda assim, a sensação de paz e tranquilidade permanece graças aos tons de azul do imenso mural de pastilhas em mosaico, que formam uma estampa floral que camufla até uma porta. Um espelho em formas inusitadas também tira o espaço do comum. Uma grande janela traz luz natural e a vista para o jardim com folhagem de bambu, o que reforça a suavidade.

7. Personalidade expressa


São inúmeros projetos comerciais assinados por Gomez. Entre eles, o lobby do Hotel BNP Paribas, em Paris, ganhou atmosfera contemporânea. Tudo é bem organizado em base de preto e branco, mas a adição de amarelo evita a monotonia. Personalidade marcante é um ponto forte para lobbies, que costumam ser lugares pouco memoráveis. Este, porém, se recusa a ser esquecido.
8. Uma peça de efeito


O brilho é usado pelo designer francês com inteligência. No lobby do estiloso hotel Renaissance Paris Republique o balcão multifacetado e cromado resulta em um visual nobre, contemporâneo, incomum. Está no centro das atenções, em meio aos arredores clean – paredes revestidas de madeira e piso de porcelanato claro. Prova de que às vezes basta uma peça de efeito para tornar um ambiente marcante.
9. Atemporal e elegante


Designer talentoso, Didier Gomez cria e atualiza coleções de móveis para a marca de luxo Ligne Roset há mais de 15 anos. A atemporalidade, a elegância e o conforto são suas marcas nos desenhos. Acima, o living com sofá assinado por ele sai do comum aliado a luminárias de Nathan Yong para a Ligne Roset.
10. Geometric power


Mesmo em tons mais neutros, este quarto desenhado por Didier Gomez tem movimento visual. As geometrias são um ponto importante para ele. Um trunfo para criar cenários sofisticados e mais sóbrios, ao mesmo tempo. No luxuoso Sofitel Rabat Jardin des Roses, no Marrocos, essa é a sensação, aliada ao extremo conforto, como os exigentes hóspedes gostam."


Fonte: Casa Vogue

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...