SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

sábado, 13 de setembro de 2014

O verbo no infinito



O verbo no infinito

Ser criado, gerar-se, transformar
O amor em carne e a carne em amor; nascer
Respirar, e chorar, e adormecer
E se nutrir para poder chorar


Para poder nutrir-se; e despertar 
Um dia à luz e ver, ao mundo e ouvir
E começar a amar e então sorrir
E então sorrir para poder chorar.

E crescer, e saber, e ser, e haver
E perder, e sofrer, e ter horror
De ser e amar, e se sentir maldito

E esquecer de tudo ao vir um novo amor
E viver esse amor até morrer
E ir conjugar o verbo no infinito...

Vinicius de Moraes

PENSAMENTO PARA O DIA - ISAÍAS 24: 17 AO 24.


17 Porventura dentro ainda de muito pouco tempo não se converterá o Líbano em campo fértil? e o campo fértil não se reputará por um bosque? 

18 Naquele dia os surdos ouvirão as palavras do livro, e dentre a escuridão e dentre as trevas os olhos dos cegos a verão. 

19 E os mansos terão cada vez mais gozo no Senhor, e os pobres dentre os homens se alegrarão no santo de Israel. 

20 Porque o opressor é reduzido a nada, e não existe mais o escarnecedor, e todos os que se dão iniquidade são desarraigados; 

21 os que fazem por culpado o homem numa causa, os que armam laços ao que repreende na porta, e os que por um nada desviam o justo. 

22 Portanto o Senhor, que remiu a Abraão, assim diz acerca da casa de Jacó: Jacó não será agora envergonhado, nem agora se descorará a sua face. 

23 Mas quando virem seus filhos a obra das minhas mãos no meio deles, santificarão o meu nome; sim santificarão ao Santo de Jacó, e temerão ao Deus de Israel. 

24 E os errados de espírito virão a ter entendimento, e os murmuradores aprenderão instrução.

terça-feira, 2 de setembro de 2014

O LADO FEMININO DE MACHADO DE ASSIS


O maior escritor brasileiro era um entusiasta do universo feminino e por meio dele expôs seu talento à pena. A sua escrita conferiu valor à mulher por meio de suas heroínas.



No Brasil do século XIX, o Romantismo era dominante na Literatura. E posto em palavras, virou regra nas casas e rodas burguesas. Apesar de exagerar em um drama no qual se prega um modo de vida utópico, sonhos e amores impossíveis, além de idealizações de como devemos nos comportar, ser e estar, a escola literária reinou absoluta. E era consumida, sem pudor, pela sociedade. Desse modo serviu para fortificar valores considerados ideais, para ideais modos de vida.

As velhas heroínas do Romantismo, detentoras de atributos tais como a devoção, sensibilidade à natureza, superação de obstáculos, o anseio pelo casamento, aspiração materna, entre outras características, brotavam dos livros de cabeceira. Muito conveniente àquela época que se pregasse tal discurso a fim de manter ordem na sociedade - com o homem e a mulher colocados em seus devidos lugares.

É neste contexto que Machado de Assis rejeita com o Romantismo, influenciando não somente a literatura, mas, também, toda uma linha de pensamento no Brasil. Segundo alguns críticos do escritor brasileiro, ele jamais pertenceu, de fato, ao Romantismo. No entanto, mantinha alguns pontos de contato com a escola literária, mesmo desobrigando-se de seus cânones.

Atrelando-se ao Realismo, Machado – extremamente analítico e reflexivo – mantém um diálogo honesto com o leitor, tratando questões sociais e emocionais de forma objetiva. Claramente, Machado utiliza-se da sutileza psicológica para emaranhar suas tramas, num contexto acerca das questões e condições humanas. A loucura, ironia e a crítica são intrínsecas aos seus escritos.

O fascínio do autor pelas mulheres levou-o a concentrar suas narrativas em suas heroínas, alterando o eixo narrativo, criando um estilo inovador para a época. Machado de Assis evidencia o que nunca fora antes evidenciado, como as ações, emoções e pensamentos da alma feminina, uma vez que concedeu à mulher, importância equivalente ao herói. A alta relevância que o autor concede às suas mulheres faz com que seus outros personagens sejam mais rasos, de uma psicologia menos complexa.

(Imagem da minissérie Capitu, de Luiz Fernando Carvalho)

Elas, portanto, tornam-se o ponto central de toda a narrativa. Em uma oposição às heroínas do Romantismo, são providas de personalidades marcantes. O autor as capacitava para conduzir a trama por outro viés, imprimindo em cada uma delas ambição, paixão e razão como nenhum outro escritor brasileiro.

Talvez por ter começado sua carreira escrevendo para revistas e, assim sendo, para um público esmagadoramente feminino, Joaquim Maria Machado de Assis adquiriu notável destreza ao falar sobre as mulheres, para as mulheres. Ele foi muito fiel às suas leitoras. Conversava com elas e delas aprendia.

Ler Machado nos envolve em uma atmosfera passional e racional ao mesmo tempo. E ele retrata, muito soberbamente, esse paralelo na vida de suas personagens. As mulheres machadianas são deliciosamente reveladas em uma sensual coragem e desinibição para lutar pelos próprios ideais.

A maneira apaixonada e meticulosa com a qual ele descreve toda a forma, todos os traços, todo o movimento e os olhares destas mulheres, o caracterizam não somente como um observador do universo feminino, mas, Machado vai além: torna-se cúmplice desse universo.



Fontes das imagens: 1, 2, 3.

© obvious: http://obviousmag.org/archives/2010/09/o_lado_feminino_de_machado_de_assis.html#ixzz3CBcitU30

50 LIVROS CLÁSSICOS EM PORTUGUÊS PARA DOWNLOAD GRÁTIS


Porque ler é preciso.




Livros clássicos da literatura brasileira e portuguesa estão disponíveis para download gratuito através d biblioteca Domínio Público, do Ministério da Educação. Entre os autores disponíveis estão Machado de Assis, José de Alencar, Saramago, Fernando Pessoa e Camões, entre outros.


1.» A Divina Comédia, de Dante Alighieri

2.» Pai Contra Mãe, de Machado de Assis

3.» O Eu Profundo e os Outros Eus, de Fernando Pessoa

4.» A Cartomante, de Machado de Assis

5.» Poesias Inéditas, de Fernando Pessoa

6.» Cancioneiro, de Fernando Pessoa

7.» A Igreja do Diabo, de Machado de Assis

8.» A Carteira, de Machado de Assis

9.» Livro do Desassossego, de Fernando Pessoa

10.» Os Lusíadas, de Luís Vaz de Camões

11.» Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis

12.» O Guardador de Rebanhos, de Fernando Pessoa

13.» A Carta, de Pero Vaz de Caminha

14.» Este Mundo da Injustiça Globalizada, de José Saramago

15.» Auto da Barca do Inferno, de Gil Vicente

16.» A Cidade e as Serras, de José Maria Eça de Queirós

17.» A Volta ao Mundo em 80 Dias, de Júlio Verne

18.» O Alienista, de Machado de Assis

19.» A Mão e a Luva, de Machado de Assis

20.» Édipo-Rei, de Sófocles

21.» O Cortiço, de Aluísio Azevedo

22.» Iracema, de José de Alencar

23.» Senhora, de José de Alencar

24.» A Moreninha, de Joaquim Manuel de Macedo

25.» O Banqueiro Anarquista, de Fernando Pessoa

26.» O Espelho, de Machado de Assis

27.» O Guarani, de José de Alencar

28.» Memórias de um Sargento de Milícias, de Manuel Antônio de Almeida

29.» O Crime do Padre Amaro, de José Maria Eça de Queirós

30.» Adão e Eva, de Machado de Assis

31.» Canção do Exílio, de Antônio Gonçalves Dias

32.» Sonetos, de Luís Vaz de Camões

33.» Os Sertões, de Euclides da Cunha

34.» Quincas Borba, de Machado de Assis

35.» Os Maias, de José Maria Eça de Queirós

36.» Alma inquieta, de Olavo Bilac

37.» O Navio Negreiro, de Antônio Frederico de Castro Alves

38.» Esaú e Jacó, de Machado de Assis

39.» O Triste Fim de Policarpo Quaresma, de Afonso Henriques de Lima Barreto

40.» As Primaveras, de Casimiro de Abreu

41.» A Chave, de Machado de Assis

42.» Lucíola, de José de Alencar

43.» Camões, de Joaquim Nabuco

44.» A Viuvinha, de José de Alencar

45.» Helena, de Machado de Assis

46.» Carolina, de Casimiro de Abreu

47.» Noite de Almirante, de Machado de Assis

48.» A Viúva Sobral, de Machado de Assis

49.» Astúcias de Marido, de Machado de Assis

50.» A Dama das Camélias, de Alexandre Dumas



© obvious: http://obviousmag.org/sphere/2014/08/50-livros-classicos-em-portugues-para-download-gratis.html#ixzz3CBcBCgUf

O TRIBARTE HOMENAGEIA CAROLINA CLAUSSEN POR MAIS UM ANO DE VIDA!



IMPOSSÍVEL NÃO AMAR QUEM DEU A VIDA POR MIM,
NESTA DATA QUERIDA LOUVO A DEUS POR SUA VIDA!
QUE JESUS MUITO A ABENÇOE!
IMENSO ABRAÇO, ALINE CARLA RODRIGUES.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...