SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

segunda-feira, 31 de março de 2014

VINCENT & VAN GOGH


E se as grandes obras do pintor holandês Vincent Van Gogh não fossem de sua autoria e sim, na verdade, de seu gato de estimação? Essa é a premissa de Vincent & Van Gogh, do quadrinhista sérvio Gradimir Smudja. Obra sensível e tocante, nos mostra outra forma de ver a vida do dramático pintor.

“Há pessoas que tem uma sorte incrível”


E se as grandes obras do pintor holandês Vincent Van Gogh não fossem de sua autoria e sim, na verdade, de seu gato de estimação? Essa é a premissa de Vincent & Van Gogh, do quadrinhista sérvio Gradimir Smudja.

Vincent é um pintor frustrado e sem talento que adota um gato gordo, mal caráter e um pintor fantástico, chamado Van Gogh. Da amizade dos dois, Vincent ganha a fama pelos quadros do gato a troco de dar casa, comida e cuidado – e também proteção contra os inimigos do gato fanfarrão! É muito engraçado pensar que obras primas da pintura foram feitas por um gato em busca de guarida para uma vida noturna conturbada.



O Van Gogh real, que inspirou a HQ, tem uma biografia muito mais penosa e triste. Uma alma torturada, angustiada com as cores e com a vida. Passou uma vida em tons muito menos intensos do que os de suas pinceladas, por entre angústias e medos que o levaram à morte em 1890. “Sem emprego, sem dinheiro, sem saúde, falecia-lhe o ânimo e a coragem para recomeçar a nova existência”



Pintor de paisagens deslumbrantes, de ciprestes solitários, quartos comuns, cafés em Mount Martre, noites estreladas, auto-retratos em pinceladas rápidas; sua sensibilidade o derrotou.

Desenhada magistralmente com a mesma técnica de pinceladas usada pelo pintor holandês, a revista nos apresenta as paisagens fantásticas de Paris e do sul da França, onde o pintor passou o final de sua vida.



Falácia desmazelada! O gato pintor e insensível, tem patas ágeis e imaginação fértil. Na HQ, os gênios tem por detrás de si, seus companheiros de estimação. Rambrandt, Gauguin, Monet, Degas e Cia assumem a fama pelos feitos artísticos de seus animais.

Gradimir Smudja é autor também de uma sensacional biografia quadrinizada de Tolouse-Lautrec.

Para quem curte uma boa HQ recheada de belíssimas imagens e referências. É um grande tributo à história da arte, não perca!



© obvious: http://lounge.obviousmag.org/diario_de_uma_vida_estranha/2014/03/vincent-van-gogh.html#ixzz2xZqxkTHY

O amor é raro!





"Sentada à mesa do restaurante percebi o casal discutindo do outro lado. Todos perceberam.
A noite estava linda e o panorama revelava-se perfeitamente circular, não fosse, é claro, o oblíquo daqueles dois. O agudo nas palavras, os movimentos dela rasgando o ar, as coisas mais vertiginosas do que deveriam ser, os olhares sendo ângulos retos. Dois desertos.


Rabisquei num guardanapo :
No amor tudo o que dermos jamais nos faltará.
Arrisquem um primeiro passo, atravessem a barreira do silêncio. Declarem. Seja lá o que for, declarem.
Não sejam reféns do silêncio ou do medo.
O amor é comoventemente belo. E raro.
Conservem-no.


Caminhei em direção aos dois para entregar o bilhete no mesmo instante em que ele atravessou por cima da mesa e beijou-a, calando assim aquela mágoa. Demorou no gesto, o que me fez recuar.
Acho lindo quem tem esse tipo de coragem.
E o mundo tem precisado tanto disso, dessa gente que pensa e completa o gesto, que se entrega sem constrangimentos e que enxerga a urgência do amor.


Alguns pedidos de socorro são sutis.
Ele viu.
Também vi.


Fui embora com o bilhete apertado contra o peito.
Era minha a historia que morava dentro dele."

Solange Maia

“A França está no ar.”


A BETC e os fotógrafos argentinos Sofia & Mauro trabalharam para a nova campanha impressa da Air France, que tem novo slogan “A França está no ar.” Os posters inspirados na moda são acompanhados por frases-chave. Puro luxo!


Sustentabilidade na UNILASALLE




A sustentabilidade é o grande tema que vem permeando discussões e reflexões no mundo inteiro. A UNILASALLE, localizada em NIterói, investe nessa ideia e seu curso de Especialização em Pesquisa e Criação em Design de Moda é o único no segmento que trabalha as diversas áreas da moda integrando conhecimento cultural e tecnológico a oficinas práticas de desenvolvimento de projetos e produtos. Tem como objetivo aprimorar e alinhar a atuação dos profissionais que atuam nas diferentes áreas da moda com as atuais demandas de inovação e criação, incluindo a especialização na formação de professores, estilistas.



A preocupação da UNILASALLE com a sustentabilidae não para por aí. Com parceria entre a Universidade e a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, Abastecimento e Pesca (Sedrap), a Galeria de Arte La Salle inaugura às 19h da próxima quarta-feira, dia 2, a exposição “Arte e Sustentabilidade”, com criativas produções de 13 artesãos de Niterói, São Gonçalo, Cabo Frio e Campos. Explorando a arte sustentável como caminho para a conscientização e educação ambiental, a mostra reúne dezenas de peças feitas de material reaproveitado de garrafa pet, couro de tilápia, entre outros. A exposição é gratuita e pode ser visitada até 2 de maio, de segunda a sexta-feira das 9h às 21h, e também aos sábados, das 9h às 12h.

Edital 4º Prêmio Objeto Brasileiro

Um edital é sempre muito bom. Esse se encaixa em quatro categorias: Objeto de Produção Autoral, Objeto de Produção coletiva, Ação Socioambiental e Textos.

Os prêmios vão de R$1.500,00 à RS10.000,00, dependendo da classificação, e todos receberão certificados.

Os projetos vencedores participarão de uma exposição a ser inaugurada no dia 22 de outubro na nova sede do museu A CASA.

A CASA museu do objeto brasileiro acaba de lançar o 4º Prêmio Objeto Brasileiro, que destacará e premiará o melhor da produção artesanalcontemporânea no Brasil, fruto da união entre produção artesanal e design.





As categorias contempladas no prêmio são:


• Categoria 1 - OBJETO DE PRODUÇÃO AUTORAL


Objetos contemporâneos que refletem o encontro do artesanato com o design, produzidos de forma artesanal ou semiartesanal e concebidos por profissionais, artesãos ou micro/pequenas empresas.


• Categoria 2 - OBJETO DE PRODUÇÃO COLETIVA


Objetos contemporâneos que refletem o encontro do artesanato com o design, produzidos de forma artesanal ou semiartesanal e concebidos por grupos de artesãos, comunidades, associações ou cooperativas em colaboração, ou não, com profissionais – consultores, designers, arquitetos, artistas, entre outros. Somente poderão ser inscritos nesta categoria objetos produzidos e atribuídos a comunidades/associações/cooperativas.


• Categoria 3 – AÇÃO SOCIOAMBIENTAL


Projetos bem-sucedidos, desenvolvidos por instituições, cooperativas, associações, empresas, universidades e organizações, com foco na responsabilidade socioambiental (geração de renda, reutilização e reciclagem, desenvolvimento sustentável e inclusão social) e que geram produtos frutos do encontro do artesanato com odesign. Nesta categoria serão avaliados os projetos de maneira geral e não apenas os objetos resultantes da ação.


• Categoria 4 – TEXTOS


Artigos, ensaios, reportagens, dissertações, teses e livros, publicados ou não, sobre a relação entre artesanato e design.





As inscrições vão até o dia 11 de julho de 2014.


O regulamento e a ficha de inscrição estão disponíveis no sitewww.acasa.org.br/premio.


A CASA museu do objeto brasileiro


Av. Pedroso de Morais 1234 | Pinheiros


05420-001 | São Paulo SP


T + 11 3814 9711 | www.acasa.org.br

Fonte: Blog Cidadania

domingo, 30 de março de 2014

AS 10 IMAGENS DA SEMANA: DO ADMIRÁVEL AO FACTUAL



As dez mais marcantes, deslumbrantes ou interessantes imagens da semana que passou. De fatos reais a obras de arte, de desastres naturais a inovações tecnológicas. Confira!

Durante a oração de sexta-feira em Najaf, ao sul de Bagdá, menina se diferencia dos demais ao ficar de pé - Ahmad Mousa/Reuters

O tão aguardado oasis temporal chegou mais uma vez e consigo trouxe não só o cansaço duma semana de trabalho, não só o regozijo para aqueles que durante ela se divertiram também, mas também a nova série de publicações que o Encruzilhada passa a fazer sempre às sextas-feiras.

Serão sempre dez imagens que marcaram a semana por serem de fatos ocorridos oi que apenas marcaram o íntimo deste que escreve e deseja transmitir o que viu. Podem ser fotografias, desenhos, seja o que for. eis as dez imagens que marcaram esta última semana de Março!

Vítimas de desatres naturais em Bangladesh. O país praticamente não contribui com as emissões que mudam o clima e causam estes desastres, mas é um dos que mais sofre com eles.

Navio Viking de 121 pés, uma das principais peças da exposição “Vikings: Life and Legend” no British Museum em Londres.

Homens carregam chá em Sichuan Sheng, China (1908) - Ernest H. Wilson

Angel Oak (Carvalho) - Charleston, South Carolina - EUA.

A foto da venezuelana Stefanía Fernández, Miss Universo 2009, amordaçada tornou-se um dos ícones da luta pelos Direitos Humanos e contra Maduro na Venezuela.

Flores de Cerejeira - Sakura, Tokio.

Suposto Iphone 6 e sua tela que toma toda a superfície frontal do aparelho.

Lucid Stead (Lugar Lúcido) uma instigante casa rodeada de espelhos que refletem o mundo em volta e a deixam quase invisível. obra do artista Phillip K. Smith III em Joshua Tree (CA/EUA).

Soldados russos em frente á base de infantaria ucraniana em Perevalne/Ucrania.

Algumas deslumbrantes, outras preocupantes ao ilustrarem rumores de guerras e realidades ditatoriais, mas foram estas as mais marcantes da semana. Como o título diz; algumas factuais, outras que impressionaram pela beleza ou algo que o valha.



© obvious: http://lounge.obviousmag.org/encruzilhada/2014/03/fotos-da-semana-01---do-belo-ao-tragico-o-que-marcou.html#ixzz2xS3wSnX4

Pinto a realidade com alguns sonhos!





Pinto a realidade com alguns sonhos,
e transformo alguns sonhos em cenas reais.
Choro lágrimas de rir e quando choro pra valer não derramo uma lágrima.
Amo mais do que posso e, por medo,
sempre menos do que sou capaz.

Martha Medeiros

Foto de Aroldo Viera de Souza.

"CHEGANÇAS"





Se você soubesse como gosto de suas cheganças,

você chegaria correndo todo dia.

Chico Buarque.

Foto de Aroldo Viera de Souza.

DESATINO POR MARTHA MEDEIROS



A cada manhã, exijo ao menos a expectativa de uma surpresa, quer ela aconteça ou não.
 Expectativa, por si só, já é um entusiasmo. 
Quero que o fato de ter uma vida prática e sensata não me roube o direito ao desatino.
Martha Medeiros

Obs>: Releitura de "O grito" realizada por Nathália do 8º ano do Único.

Toda mulher é doida. Impossível não ser...




...Toda mulher é doida. Impossível não ser. 
A gente nasce com um dispositivo interno que nos informa… 
que sem amor, a vida não vale a pena.

Martha Medeiros

ESPANHOL FICA PELADO DIANTE DO "NASCIMENTO DE VÊNUS" DE BOTTICELLI ,NA GALERIA UFFIZI, ITÁLIA.




RIO - No último sábado, um espanhol entrou na Galería degli Uffizi, em Florença, na Itália, como um turista, mas quando chegou à sala de “O nascimento de Vênus”, do renascentista Sandro Botticelli, ele se posicionou diante do quadro e começou a tirar todas as peças de roupa, até ficar completamente pelado.
 A atitude do jovem, de 25 anos — que tem a identidade desconhecida até agora — gerou burburinho nas redes sociais e nos meios de comunicação italianos. Apesar de ter recebido uma denúncia por atos obscenos, o espanhol foi deixado em liberdade.

Segundo o depoimento de Susanna Mantovani, uma guia turística que presenciou a cena, o homem se ajoelhou diante da obra e jogou pétalas de rosa no chão, imitando as flores que caem sobre a deusa na célebre pintura, feita pelo artista italiano entre 1482 e 1485. Atônitos, os seguranças do museu imediatamente chamaram a polícia, que cobriu o espanhol nu e levou-o até a delegacia, enquanto ele gritava “freedom, freedom” (liberdade em inglês).

Jornais italianos afirmam que o jovem perguntou aos guardas se sua performance havia sido gravada, dizendo que “aquilo era poesia”. O diretor da galeria, Antonio Natale, confirmou que a notícia era verdadeira, e afirmou que nenhum dano foi causado à instituição.
“Entre um milhão e 900 mil visitantes, podem haver pessoas inquietas, apaixonadas, com problemas.
 Talvez ele tenha sido afetado pela síndrome de Adão”, disse Natale.
Ainda não se sabe se o episódio foi uma loucura passageira de um turista ou se o gesto foi uma exibição artística do espanhol. Os comentários na internet sobre o caso são os mais variados, mas alguns asseguram que ele conseguiu, em dois minutos, “explicar a todos o sentido do Renascimento”.

O Globo.

PENSAMENTO PARA O DIA



Então você terá o favor
de Deus e dos homens
e boa reputação. Confie no Senhor de todo o seu coração
e não se apoie
em seu próprio entendimento; reconheça o Senhor
em todos os seus caminhos,
e ele endireitará as suas veredas. 
Provérbios 3:4-6

Foto de Aroldo Viera de Souza.

sábado, 29 de março de 2014

SOMOS!




"Somos as coisas que moram dentro de nós.
Por isto, há pessoas que são tão bonitas, não pela cara, mas pela exuberância do seu mundo interno."


Rubem Alves

Arte primitiva é exposta em Paris


Feira mostra o melhor do antiquariato e design

Arte asiática: Silence in the mountains, galeria Fitzgerald Fine Arts

Tem início nesta quinta-feira (27/3) a mais nova edição da feira PAD Paris Art + Design. O evento, que acontece durante três dias no Jardin des Tuileries, em Paris, reúne um panorama abrangente que vai desde as mais recentes criações do design, à arte moderna e contemporânea, passando pela joalheria e por uma seleção afiada com o que há de melhor nos antiquários europeus. Este ano o evento terá como foco a arte primitiva.

Idealizada para fãs e colecionadores de arte e design, ela ocorre há 18 anos em Paris, Londres e Los Angeles e exibe peças decorativas dos séculos 19 e 20. Além de tapeçarias, cerâmicas, pinturas e esculturas, haverá itens da era pré-colombiana e arqueológica.

Cinco novos expositores marcam presença este ano: Torri (França), SMOGallery (Líbano), Alexandre Guillemain (França), Fitzgerald Fine Arts (Estados Unidos) e Finch & Co (Reino Unido). O júri, presidido por Jean- Michel Wilmotte, reúne colecionadores, críticos, curadores, arquitetos e designers de interiores.

Os visitantes serão recebidos por uma instalação cinética de Laurent Debraux e, ao fim da feira, os jurados escolherão uma obra para integrar permanentemente o Musée Des Arts Décoratifs de Paris.

PAD Paris Art + Design
Local: Jardin des Tuileries
Endereço: Rue de Rivoli, 75001, Paris, França
Data: de 27 a 30 de março
Horário: das 11 às 20 horas
Design contemporâneo: Cellular Chair, galeria Maria Wettergren


Arqueologia: Depicting a Torso of Venus, galeria David Ghezelbash


Arte pré-colombiana: Hache Ara, galeria Mermoz


Pintura moderna: Kidnapped Portrait 2, galeria Armel


Joias: anel David Webb, galeria Bernard Bouisset


Vidro: Ephemeral Purple, galeria Clara Scremini


Arte primitiva: Proue De Char De Procession, galeria Bernard Dulon


Cerâmica: vaso Pierre Soulages, galeria Sevres - Cité De La Céramique


Tapeçaria: Arbre bleu, galeria Boccara

Fonte: Casa Vogue

Meu jardim, meus amigos e nada mais


Coletivo cria espaço de lazer jovem e verde


Um lugar para estar. Essa é a ideia que inspira o 2611 Project do Good Design Collective, em Montana, nos Estados Unidos. Lá, um conjunto de estruturas se reúne na fronteira entre um bairro residencial e um refúgio de vida selvagem. Cada detalhe de concepção e construção foi personalizado com materiais reciclados.

Aceitar a natureza crua destes materiais permitiu a eles mais tempo e energia para a criação do trabalho, com atenção inventiva aos detalhes. O grupo de jovens designers apresenta, em seu primeiro projeto em construções, habilidade para criar um espaço útil e agradável. Eles se envolveram em todas as etapas de confecção, visando uma nova compreensão de trabalho artesanal.

O projeto é dividido em três espaços programáticos diferentes: colheita, preparação e convívio. O primeiro inclui uma estufa, feita em partes com material recuperado de um refúgio de lobos em Bridger Canyon, cidade vizinha. O espaço de preparação está localizado mais próximo a casa já existente, ele incorpora áreas para sentar, cozinhar e armazenar alimentos, bem como espaço para pequenas plantações.

A concepção desta área externa mescla todos essas funções em um espaço de design holístico. Na encosta do morro está o ponto de encontro concebido como um refúgio íntimo para reunir amigos em torno de uma fogueira. Sua posição permite que ele seja protegido dos ventos locais e retenha o calor ao longo de uma parede de concreto. Este espaço foi concebido para a apreciação contínua nos meses de primavera, verão e outono. Trata-se de um bom exemplo de design jovem em busca do convívio sustentável.























Fonte: Casa Vogue

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...