SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Quem diria ? Thomas Edison foi considerado um péssimo aluno...


Thomas Edison, o gênio



Thomas Edison é considerado por muitos o maior inventor de todos os tempos e precursor da revolução tecnológica do século XX. Afinal, a lâmpada elétrica incandescente, lançada por ele, em 1879, e o aperfeiçoamento do telefone, do fonógrafo e muitas outras invenções de sua autoria, como o gramofone, o cinescópio ou cinetoscópio, o ditafone e o microfone de gânulos de carvão para o telefone, mudaram os hábitos de vida em todo o mundo.Um outro dado importante na vida de Thomas Edison: ele foi um dos primeiros inventores a produzir em larga escala as suas invenções. Seu QI, estimado em cerca de 240, o coloca no patamar de gênio.





Nascido em 11 de fevereiro de 1847, em Milan, Ohio, nos Estados Unidos, Thomas Edison foi com a família para Port Huron, no Michigan, quando tinha seis anos. Entrou para a única escola da cidade, onde foi considerado péssimo aluno. Três meses depois, saiu da escola e nunca mais voltou a frequentar os bancos escolares. Sua mãe, uma ex-professora, assumiu sua educação e o menino passou a estudar o que lhe interessava: ciências. No sótão de sua casa, montou um laboratório.





Em 1869, mudou-se para Nova Iorque, para se estabelecer como inventor independente. Chegou lá sem dinheiro. Dois anos mais tarde, inventou um indicador automático de cotações da bolsa de valores. Vendeu-o por 40 mil dólares e ainda assinou um contrato com a Western Union, situação que lhe permitiu estabelecer-se por conta própria em Newark, subúrbio de Nova York.





Foi em 1878, então aos 31 anos de idade, que Thomas Edison se impôs o desfio de obter luz a partir da energia elétrica. Outros pesquisadores, como os químicos e físicos Walter Nernst, da Alemanhã, e Sir Joseph Wilson Swan, da Inglaterra, já haviam tentado construir lâmpadas elétricas com algum resultado, mas seus dispositivos tinham vida curta.





Inicialmente, Edison tentou utilizar filamentos metálicos. Mas só depois de fazer enormes investimentos e milhares de tentativas ele descobriu o filamento ideal: um fio de algodão parcialmente carbonizado. Instalado num bulbo de vidro com vácuo, aquecia-se com a passagem da corrente elétrica até ficar incandescente, sem porém derreter, sublimar ou queimar. Em 1879, uma lâmpada assim construída brilhou por 48 horas contínuas e, nas comemorações do final de ano, uma rua inteira, próxima ao laboratório, foi iluminada para demonstração pública. Sua empresa, a Edison Eletric Light Company passou, então, a dominar a eletricidade nos Estados Unidos.





Thomas Alva Edison morreu em 18 de outubro de 1931, legando ao mundo a Edison General Eletric, fundada em 1888 e que se tornou um dos maiores conglomerados industriais do planeta.


Fonte: www.gentequeinova.com.br






Para refletirmos!!!


SERÁ QUE OS NOSSOS GÊNIOS ATUAIS TAMBÉM SÃO CONSIDERADOS PÉSSIMOS ALUNOS.


NOSSA AVALIAÇÃO É FEITA DE QUE FORMA???


VAMOS PENSAR NO RÓTULO DE "NOTAS" QUE NOSSA SOCIEDADE TEM CONSUMIDO E NOS GRANDES CRIADORES QUE SURGIRAM DESTA MESMA SOCIEDADE... SE É QUE ELES ESTÃO SURGINDO, NÃO É?


OBS.: UM PROFESSOR DE FÍSICA DISSE-ME QUE THOMAS AO CRIAR A LÂMPADA INCANDESCENTE TENTOU 9000 EXPERIMENTOS ATÉ CHEGAR A CONCLUSÃO DE SUA CRIAÇÃO. ISTO SIGNIFICA QUE ELE APESAR DE NÃO SER BRASILEIRO, NUNCA DESISTIU DE SEUS SONHOS.


E NÓS O QUE TEMOS FEITO COM OS NOSSOS???

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...